NOTÍCIAS: Xiaomi, próxima parada Malásia

Logo Xiaomi

Xiaomi está construindo seu caminho passo a passo no continente asiático. E, como aconteceu com o rei Genghis Khan dos mongóis, o mundo ocidental está preocupado com o possível avanço no mercado livre do Ocidente. Aparentemente, o exército Xiaomi pareceria com a intenção de conquistar apenas o Oriente (pelo menos por enquanto ...).

Obviamente, Xiaomi não é o exército mongol e a dinastia Khan parou antes dos territórios da Malásia de hoje, então a comparação se esgota. No entanto, a empresa com sede em Pequim tem o mesmo objetivo, para conquistar o mundo (móvel), um país de cada vez.

Durante o Fórum China 2.0 um Universidade de Pequim, Hugo Barra apresentou ao público alguns dos pontos futuros do processo de expansão da empresa, apontando Malásia, Indonésia, Filipinas, Tailândia e Índia como próximos objetivos antes terra definitivamente também na América Latina, a partir do Brasil e do México.

Da Tecnologia na Ásia também aprendemos que a Barra confirmaria o desejo de consolidar-se nos mercados do Sudeste Asiático para se aventurar na Índia.

Da validade das declarações da Barra não podemos duvidar, a empresa que dirige nos primeiros meses 3 da 2014 já vendeu mais de 11 milhões de dispositivos.

Se você quiser saber mais sobre Xiaomi, MIUI etc. pessoal, continue seguindo-nos!

[Através da]
Honrar