A Huawei adiciona um novo Centro de Controle no HarmonyOS: isso o lembra de alguma coisa?

centro de controle huawei harmonos 2.0 xiaomi miui 12

Desde a primeiros anúncios por Huawei, em volta HarmonyOS as dúvidas pairam, antes de mais nada, sobre sua concretude. Eram tempos em que não estava claro quais seriam os efeitos de longo prazo da proibição dos EUA sobre a empresa. Especulou-se que o da Huawei poderia ser uma espécie de blefe, na esperança de poder voltar a usar os serviços do Google livremente. Mas não foi assim: mesmo com a mudança da presidência de Trump para Biden, a empresa ainda não conseguiu fazer o comércio livre com o Ocidente e parece que não haverá mais volta. Resumindo, a partir de agora os próximos smartphones Huawei serão fabricados pela HarmonyOS 2.0, mas outras dúvidas permanecem.

HarmonyOS 2.0 recebe uma nova tela de configurações rápidas: aqui estão as semelhanças com MIUI 12 da Xiaomi

Acima de tudo, a verdadeira originalidade de um sistema operacional que se mantém como novo e independente, mas que provou ser muito apegado ao android. Os primeiros testes sublinharam as semelhanças entre os dois sistemas operacionais, revelando que o da Huawei basicamente se parece com um reskin do EMUI 11. Mas, dado que ainda estamos na fase de teste beta, ainda é cedo para dar uma opinião definitiva sobre o grau de originalidade do HarmonyOS. Ainda não se sabe quando o sistema operacional da Huawei se tornará uma realidade concreta, mas enquanto isso, os vídeos de demonstração continuam a ser transmitidos na rede. Um acima de tudo o que está a bordo Huawei Mate X2 que está circulando nessas horas.

Enquanto isso, alguém pensou em mostrar algumas das peculiaridades da última versão do HarmonyOS. Como no caso deste “Nova” tela de configurações rápidas e uso aspas porque um olhar cuidadoso notará algumas semelhanças. Além daqueles com usuários de iPhone de última geração, a semelhança com o Control Center de MIUI 12 di Xiaomi. Esta não é uma cópia 1: 1, pois a Huawei optou por um arranjo geométrico diferente dos elementos. Mas as semelhanças com a forma como a IU mais recente da Xiaomi gerencia os atalhos são óbvias, começando com os painéis principais na parte superior e os secundários imediatamente abaixo, seguidos pelos dispositivos de automação residencial na parte inferior.

Obviamente, nem mesmo a Xiaomi inventou tal sistema, entre outras coisas parcialmente atribuíveis ao gerenciamento dos blocos do falecido Windows Mobile. Até porque o que importa, no final das contas, é a funcionalidade e não a originalidade, pelo menos na prática.

⭐️ Descubra o novo folheto semanal da GizChina com ofertas exclusivas e cupons sempre diferentes.
Honrar