Adeus Facebook e Instagram na Europa: a ameaça do Meta

facebook instagram europa

Facebook e Instagram poderia fechar na Europa. Não, isso não é um clickbait, mas o que fica claro no último relatório publicado pela empresa-mãe Meta. No relatório anual elaborado para a Securities and Exchange Commission, a empresa de Mark Zuckerberg registrou suas preocupações sobre a continuidade de suas operações em nosso continente. Uma decisão que está ligada a 2018, ano em que o Regulamento Geral de Proteção de Dados, mais conhecido como GDPR. Em poucas palavras, o que este regulamento europeu faz é colocar restrições ao processamento de dados pessoais dos europeus.

Meta diz que Facebook e Instagram podem fechar na Europa - eis o porquê

Ao consultar o referido relatório publicado pela Meta, fica claro que o uso normal do Facebook e Instagram na Europa poderia cessar justamente por causa desses constrangimentos. Durante 2020, a divisão irlandesa da empresa foi criticada a esse respeito: Os dados de usuários europeus não podem mais ser transferidos para os EUA e devem permanecer dentro das fronteiras europeias. No entanto, segundo Meta, isso não seria possível, pois prejudicaria significativamente seu negócio de perfis e rastreamento de publicidade, modelo que permite que serviços como Facebook e Instagram sejam gratuitos.

facebook instagram europa mark zuckerberg

A Meta afirma que se a lei não for alterada e não puder continuar a transferir dados da Europa para os EUA",provavelmente não poderá oferecer alguns de seus produtos e serviços mais significativos, incluindo Facebook e Instagram, na Europa". Uma frase que conhece mais uma ameaça do que uma possibilidade concreta, até porque tal fechamento representaria um duro golpe financeiro, mas sobretudo um golpe midiático.

Também porque 2021 não foi um ano particularmente positivo para Meta: Pela primeira vez em 18 anos, o Facebook viu um declínio no número de usuários. Isso sem falar no bloqueio do rastreamento de publicidade implementado pela Apple, pelo qual o Facebook prevê perdas de 10 bilhões de dólares em 2022. Todas as notícias que obviamente também tiveram repercussões nas finanças, com a ação Meta sofrendo uma queda -26% na bolsa de valores. Um golpe não dá poco também para Mark Zuckerberg, que em poucas horas perdeu algo como 29 bilhões de dólares.

⭐️ Descubra o novo folheto semanal da GizChina com ofertas exclusivas e cupons sempre diferentes.